domingo, 29 de julho de 2012

Ela

Ela sabe exatamente o que fazer e faz quando quer.
Consegue tirar um sorriso meu nas mais bravas TPMs ou quando estou insuportavelmente chata ou demasiadamente triste.
Tem sonhos imensos, mas ás vezes tem medo de sonhá-los.
Quem vê seus sorrisos não sabe o quanto custou para estar estampado no rosto.
Eu simplesmente não consigo imaginar a minha vida sem ela, no mínimo seria chata e vazia.
Só tenho a agradecer por quase  por quase duas décadas de companhia.
Entre confrontos e acordos, brigas e perdões, sonhos e desilusões.
Estamos juntas até...

Dedicado a minha irmã, Marta Lourane.

quinta-feira, 26 de julho de 2012

Coisas

.
Muitas coisas que eu sei, não queria saber.
Outras que eu queria saber, não sei.
Há também as coisas que acreditamos saber.
Outras que nunca saberemos.
Aquelas que nunca esquecemos.
Umas que queremos esconder e outras que queremos mostrar.
As impossíveis, as inacreditáveis e as inacreditavelmente impossíveis.
As solucionáveis. E entre todas elas existe você.
Nesse labirinto de cosisas que eu não consigo descrever.

sábado, 21 de julho de 2012

Fala sério...



Sério...
Queria menos seriedade nessa vida.
Queria a leveza de uma bolha de sabão.
A doçura de um pudim.
A alegria de um palhaço.
Quero mais que números, horas, espaços, rotinas.
Quero cambalhotar no tempo colhendo sorrisos e distribuindo abraços.
Eu quero felizviver.

Não vá embora, não joga fora o nosso amor.

Não vale a pena se esquecer de tudo e desistir ... 

(Promisses)

terça-feira, 17 de julho de 2012

sexta-feira, 13 de julho de 2012

***

Minha verdade é mais simples do que você pensa e mais complexa do que você vÊ.

quarta-feira, 11 de julho de 2012

Quebra- cabeça


A vida ás vezes parece um quebra-cabeça...
E pior , INCOMPLETO
Espero que um dia as peças cheguem e se completem.
Num encaixe perfeito.

domingo, 8 de julho de 2012

Pinóquios


                                                Ele mentia para ela tentando se enganar.
Ela mentia para si, tentando enganar ele.
Ambos se deram mal.
Final.

domingo, 1 de julho de 2012

Foi...

Se eu disser que não sinto a sua falta estarei mentindo.
Cada célula do meu corpo.
Cada lágrima...
Você se foi e eu deixei , o motivo exato eu não sei.
Mas sei que não posso voltar atrás.
Tive que fazer de tudo pra te ver bem longe.
Pra não te ter por perto.
Pra não correr o risco de querer vocÊ.
Porque tudo bem que o nosso amor não foi o maior, o mais belo, o mais magnífico, mas foi...e se foi.
Sinto, não nego.
Saudades tem sido minha companheira nessas noites frias.