sábado, 13 de abril de 2013

Sabe moço?


Sabe moço o que eu quero?
Eu quero um amor. Não quero nenhum galã de cinema, mas quero alguém lindo na sua forma de ser.
Quero alguém que me leve para passear nas tardes de domingo, alguém que me faça sorrir.
Não precisa ser o mais forte, mas que me proteja com todas as forças que possui. Não precisa ser rico, mas que construa tijolo por tijolo as paredes da nossa relação. Eu quero alguém que cite Shakespeare inesperadamente em uma conversa qualquer.
Eu quero um amor calmo, tranquilo, que não tenhamos pressa, pois o mundo já anda apressado demais..
Sabe moço eu quero um amor pra toda vida. Daqueles que permanecem assim juntinhos, assim velhinhos.
Eu quero cartas, beijos no nariz e todas aquelas bobagens de casais apaixonados. E que essa paixão se reacenda todos os dias.
Sabe moço, eu quero um amor.
Sabe moço, eu quero você.

-Me faça rir, me faça feliz ♪

7 comentários:

  1. Respostas
    1. Não é paixão amiga...é o amooorrr ♫(rs)

      Excluir
  2. O moço soube e certamente você foi feliz por toda a vida.
    Saudades de escrever assim.

    ResponderExcluir
  3. Eu também quero um amor assim e pelo andar da carruagem espero ter encontrado.
    Lindo texto!

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Que bom que está encontrando Ari. Fico agradecida pelos comentários pessoas. E que suas palavras se concretizem Brunno =)

    ResponderExcluir
  5. Me apaixonei pelo seu texto!!!
    parabéns, ficou maravilhoso

    beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Talvez por ser algo que eu desejo e sonho =)

      Excluir

Toque uma nota.