quarta-feira, 2 de julho de 2014

Escrever dói.

Escrever muitas vezes é um processo doloroso.
Dói não achar as palavras certas.
Dói ter que se desconstruir, tentando se reconstruir para enfim construir o texto.
Dói ver que o que você escreveu não é exatamente aquilo que queria expressar.
Porque o texto é um tecido de palavras emaranhadas entre si, costuradas pela linha dos pensamentos.
E pensamentos muitas vezes são desconexos.


P.S- texto sobre a escrita do TCC

3 comentários:

  1. É bem isso Tally! O processo da escrita muitas vezes é doído, mas as vezes, muito prazeroso também. É bom a gente não desesperar quando nossas palavras parecem ter perdido o fio da meada, nessas costuras da vida.

    Beijo. :*

    ResponderExcluir
  2. Dói porque é doloroso demais arrancar cá de dentro tudo de sentimento e por de forma desconexa num pedaço de papel em branco. A gente até se procura ali, no meio de tudo que acabou de escrever. As folhas ficam cheias, as entrelinhas escondidas e o peito, vazio. Como um papel branco.

    Beijo beijo beijo

    ResponderExcluir
  3. Desconexões buscando outras possibilidades, mesmo quando as palavras escritas não são as desejadas. Sempre acabam sendo as que precisam ser escritas, no fim das contas.

    Beijão.

    ResponderExcluir

Toque uma nota.