quinta-feira, 4 de outubro de 2012

ODEIO...

Odeio me sentir inútil.
Odeio quando isso me parece real.
Odeio quando as palavras não saem.
Odeio quando engasgo por dentro.
Odeio quando os pés não se movem.
Odeio quando as lágrimas caem.
Odeio quando a dor não para.
Odeio essa situação.

Odeio...

Odeio...

Odeio não poder ajudar.

Odeio ter que me calar.
Odeio não poder chorar.

Odeio...

Odeio...

4 comentários:

  1. Odeio, odiar tudo isso tbm... Mais é a vida...

    ResponderExcluir
  2. poderia dizer: quanto odio bom
    se nao fosse uma contradição em termos

    ResponderExcluir
  3. Apenas esteja presente, não crie expectativa, faça o que seu corpo pode fazer, e seu coraçãozinho estará em paz! bjs talita, desejo o melhor pra vc!

    ResponderExcluir
  4. Obrigada a todos pelos comentários.
    Sintam-se em casa.

    =)

    ResponderExcluir

Toque uma nota.