terça-feira, 23 de outubro de 2012

Sobre pontos e Interrogações



Eu queria poder te ligar e dizer que está tudo bem, que tudo vai ficar bem. Mas não é assim, não por enquanto. A saudade vai doer sempre que você lembrar, as madrugadas não vão ser tão fáceis (pra não dizer dolorosas)  e todos os lugares que passaram juntos, quando visitados trarão inúmeras recordações e seu coração muitas vezes vai doer tão forte que você vai achar que não vai suportar. Porque é como se tivessem arrancado um pedaço de você, é como se estivesse faltando uma parte sua, é como se fosse uma dor na alma e ninguém além de você e Deus sabe a intensidade disso. Então você vai achar que a vida aqui não tem mais sentido, que esse mundo desbotado não tem mais sabor. Porque todos os dias parecem cinzas,  frios e nublados. Mas com o tempo você vai se acostumar com a saudade, o que não significa que ela não venha te visitar em doses exageradas uma vez ou outra quando aquela música tocar você pode derramar lágrimas, você vai chorar e isso não é errado. Muitas vezes você vai se vestir com um sorriso por fora mas com o peito desabando por dentro, isso porque as pessoas precisam de você então demonstra forças além dos seus limites. Eu sei que lá na frente, você vai sorrir de novo, vai brilhar de novo, vai viver e não apenas sobreviver ... mas por enquanto dói. Porque o fim e o eterno não cabem em nossa limitada mente humana então tudo o que vocÊ pode fazer é se agarrar as pontinhas de esperanças e a um grão de Fé (por menor que seja) para acreditar no amanhã, mesmo quando o hoje parece não ter sentido.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Toque uma nota.